quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Paralelo assustador II

Então, eu - particularmente - acreditei mais nesse tipo de paralelo. O pessoal vem traçando há alguns anos, inclusive. Esse comportamento de expansão e quebra é semelhante - e bem parecido - em qualquer ativo que nós acompanhemos.

Se pegar o gráfico
do BIT-COIN e o do IBOVESPA no semanal perceberão que são bem semelhantes, inclusive.

A semelhança dos períodos impressiona, realmente! Há quem diga que estamos em ano de cavalo de madeira, que foi o mesmo ano da primeira guerra mundial. Tem gente falando em China e Japão como aquela Inglaterra e Alemanha da época. Falam pra cacete.

Uma verdade existe - e financeira: O FED injeta 85BI todo mês na economia Americana. Dinheiro do contribuinte. Caiu para 75 e parece que agora será reduzido para 65. Mas, mesmo assim, não podemos esquecer que esse foi um plano de incentivo criado lá em 2008, por decreto, para durar apenas ALGUNS MESES. E estamos há quase 06 anos com ele! Os estragos já foram enormes. O rombo é colossal. E, mesmo assim, após seis anos, o mercado de emprego e indústria dos EUA ainda não "deu confiança" aos analistas. Cacete! Tem algo errado então, não?

Em contra partida, a inflação nos últimos dez anos REAL nos eua foram de 44%. Inflação a lá América Latina.

O que segura os EUA ainda conseguindo vender confiança ao mundo é a completa inaptidão da comunidade Européia de aquecer a sua própria economia. Mas, por incrível que pareça, estão fazendo certo (meio certo) por meio de pacotes de austeridade (meio-austeridades) e sem impressão de dinheiro.

Petter Schiff falou em uma entrevista há 30 dias e está certo (aliás, ele tem essa mania chata de estar sempre certo!): O Crash não virá quando quisermos. O Crash virá quando os EUA pararem de imprimir dinheiro. Seja pelo teto (barrado pelo congresso) seja pela ausência de confiança do tomador estrangeiro.

Ou ninguém está achando estranho o fato do Obama já ter dito em dois discursos públicos que, se preciso, agiria sem anuência do congresso, em casos de interesse público? 


Interesse público? E quem é o congresso? A quem representa? Os caras estão a beira de um choque de gestão do tipo quando os senadores puxavam armas aqui no senado. Senador de Alagoas, inclusive.

Ícaro de Carvalho

1 comentário:

taawaciclos disse...

"Os estragos já foram enormes" para quem?

Para os bacanos que especulam com dinheiro a preço zero está do melhor!

O SP500 subiu de <800 para >1800 desde 2009

O Nasdaq 100 subiu de <1100 para >3600 desde 2009

O DJIA subiu de <7000 para >16000 desde 2009

Os estragos foram enormes... Não me parece! Andam uns quantos a ganhar biliões... E tudo está bem quando assim é!