quinta-feira, 17 de abril de 2014

No tempo do PREC também se atiraram dos prédios?


Na altura ainda não estava instalada toda uma dialética marxista (como temos hoje) e não havia também palhaços anti-PREC disponíveis para provocar modas ou ainda estariam sujeitos a umas sevícias ou até a um fuzilamento sumário.

O suicídio antes de ser um problema económico é um problema cultural ou a taxa de suicídios era maior no estado novo do que no pós74? A esquerda pelos contos de miséria que nos impinge tudo levaria a crer que sim mas a verdade... é sempre diferente da fantasia.


1 comentário:

taawaciclos disse...

Variação!!!

Se analisarmos os dados sem ser pela taxa de variação vemos que a quantidade de suicídio por 100.000 habitantes sempre rondou os 9... E os picos inferior e superior foram entre 1998 e 2000 e entre 2002 e 2004, respectivamente!

Ali o pico foi devido à entrada no EURO! Afinal perder a soberania monetária não foi brincadeira!